30.05.2012 - Island Of Adventure

Como fomos a primeira vez a Citiwalk já no fim da noite o estacionamento estava vazio, quando fomos pela manhã estava bem cheio (ainda não tínhamos noção do que era cheio realmente), ficamos um pouco decepcionados e chateados. Mas o que fazer ?

Todos os dias até aqui eu estava andando de Havaianas, mas meus pés estavam tão doloridos, que eu já não aguentava mais pisar no chão, horrível mesmo. Me falaram então para usar o tal Crocs, lá fui eu, na noite anterior comprei um e resolvi ir com ele. 

Quando estava grávida, existia a franquia do Cinnabon aqui perto de casa, então eu vivia a base disso, mas acabou fechando. E eu fiquei só na vontade, então prometi a mim mesma que todos os dias em que fosse a Citiwalk comeria lá. Então não tomei café da manhã no quarto e deixei para comer lá. Meu Deus, eu jamais me esqueceria de como aquilo é bom, mas eu sentia muita vontade, saudades. E um só por dia não me foi suficiente.

Depois de comer, seguimos para o Island, que fica ali pertinho, acho que a distância maior é andar todo aquele estacionamento, eu sou muito preguiçosa é verdade, mas acho muito mal planejado. Muito cansativo, você já chega lá no parque cansada hahahahahaha.



O Island é muito bonitinho, adorei a entrada. Fomos observando tudo, parando em tudo. E as lojas da Universal foram as nossas perdições.


Seguimos andando encantados com tudo, porque era o primeiro parque que realmente tínhamos curiosidade em conhecer. O Island me deu a sensação de estar em vários parques diferentes, pelas ambientações diferentes. Chegamos a montanha russa do Hulk, aquela parte em que você passa por baixo dela na ponte, Meu Deus !!! Fiquei paralisada ali, que vontade. Mas a fila estava de uma hora e vinte, não tive coragem de encarar (mal sabia que fila assim, era super rápida)

Uma das minhas maiores frustrações na viagem, foi não ter ido a algumas montanhas russas, achando que a espera era grande, sendo que não era tanto assim.



Eu adoro X Men, super heróis em geral e fiquei encantada também com aquelas lojas ali perto do Spider Man, coleciono Action Figures e Barbies e nessa loja eu me controlei muito, sorte que a mala não comporta bustos, porque se não eu teria trazido pelo menos dois.

O Gambet, meu personagem favorito em X Men.Pena que não havia nenhum em tamanho adequado para que coubesse na minha mala. Queria ter trazido pelo menos um, mas não encontrei.



Neste momento eu fiquei muito emocionada, porque até então minha ficha ainda não havia caído. Sabe, para você que esta lendo isto daqui e que teve oportunidades diferentes de vida, pode parecer tudo uma tamanha besteira. Mas para quem tem um sonho, talvez tenha a dimensão de tudo o que estou falando e sentindo a cada dia que revivo as emoções que vivi.

Neste momento, eu simplesmente parei, olhei tudo a minha volta. Essa foto tirei com meu celular. Agradeci a Deus em silêncio por todo o tempo que esperei, por todos os dias que fiquei sonhando e planejando, mas que nada se comparava a emoção. Passei tantos anos olhando pelas lentes alheias, sem perspectiva nenhuma e ali estava eu, olhando tudo com os meus olhos. Arquivando tudo em meu coração.

A fila para o Homem Aranha estava de duas horas, então decidimos deixar para mais tarde ou quem sabe para o retorno que faríamos nos próximos dias.Então seguimos andando meio sem rumo, mas fomos.


E volto a reforçar, o Island parece que você esta em vários parques diferentes tamanho contraste entre uma área e outra.



Fomos parar na área infantil e mais lojas, Meu Deus, os caras sabem como montar as coisas e incentivar o capitalismo. Ainda mais de pessoas que são completamente consumistas como eu.
Eu não sou muito fã da Betty Boop, mas acho ela linda. E dei de cara com uma loja lindaaaa.
Neste momento eu ainda estava passada em ver como as coisas são tão grandiosas.


Fomos andando, olhando, parando e fotografando. Sem pressa, sem correria. Estava muito quente, não estávamos ainda acostumados com o calor excessivo, nem com a questão do pé (gente esse meu pé rendeu, darei dicas depois)

Na Universal tem o serviço Universal Express, você paga 40 dólares e não pega filas. Eu já tinha ouvido falar e lido a respeito, achei que não valia a pena, mas depois ao ir em alguns brinquedos e ver esta fila do Express nos arrependemos de não ter comprado.

Outra dica muito boa (para quem tem mania de refrigerante como a gente) é um copo, você o compra por USD 8 dólares. Compramos um para cada um (usamos por 4 dias) e ao encher o seu copo você paga se não me falha a memória menos de um dólar. Tem refrigerante, chá e água. Adoramos e compensou muito para nós que somos viciados em coca cola. Você também pode fazer isso para pipoca, mas não sei informar o valor porque não nos interessou.

Andamos e chegamos na área do Poppeye. Mas eu não quis naquele splash porque não queria me molhar rsrsrs.
Mas é muito legal de ficar assistindo. E aquele barulho Tchibuuuuum (tenho ele gravado na cabeça toda vez em que olho para esta foto) é muito gostoso de ouvir. Ficamos algum tempo olhando e rindo, até nisso você se diverte. Ali, nos comprometemos a nos entregar as emoções, esquecermos tudo o que poderia nos preocupar, como se não tívessemos vida aqui, apenas ali e essa conexão foi muito mágica.

Continuamos andando e chegamos na área do Jurassic Park. Lembrei muito do meu pai, porque ele ama este filme e assiste repetidas vezes (mania de família, deve ser um TOC genético, eu sou assim e Mateus também).

Achei engraçado porque em todo caminho, tem barulhos na mata e eu me assustei em uma das vezes kkkk.

Passamos por esta parte, tiramos foto, ficamos olhando e nem ligamos uma coisa a outra, depois eu conto o motivo.

Vimos uma atração nesta área para crianças, é uma cadeirinha no alto, que vai uma criança e um adulto, mas aquilo balança muito, fiquei receosa. O Mateus é muito medroso com altura e achei que ele desistiria a hora em que visse, mas que nada. Ele foi com o pai e amou, queria ir de novo. Mas a fila estava de quarenta minutos, então uma vez já foi suficiente.

Procuramos não nos informar sobre os brinquedos do Island, porque queríamos ser pegos de surpresa. Então encontramos outra atração do Jurassic e fomos, a fila estava com previsão de uma hora.

Mas ficamos apenas cerca de 20 minutos. Ao nos ver na fila uma funcionária tirou a nós e a outra família e colocou na fila do Express, ou seja, não pegamos fila alguma. Sentamos no barquinho, crentes que era apenas uma passeiozinho.

é lindo, maravilhoso, eu adorei. Mas na hora da fábrica, fiquei preocupada. Mateus entrou em pânico, começou a chorar, no escuro eu não tinha noção do que esperar, apenas segurei ele forte, mas fiquei solta e na hora da queda, putz que susto, que molhadeira. Mas muito, muito legal. Saimos de lá e vimos o secador de corpo, resolvemos usar, mais pela diversão do que da necessidade mesmo. Estávamos molhados é verdade, mas o calor secaria. O secador de corpo custa USD 5.

Para variar, você sai em uma loja.

Fizemos mais algumas fotos.

Vimos que ali era a metade do caminho do Harry Potter, então resolvemos seguir para lá. Estava lotado, acho que todo mundo do parque resolveu ir lá, mas que lindo, que beleza.

A primeira visão que se tem
Eu não sou fã de Harry Potter, sei o nome de todos os personagens, coisas que acontecem, assisti a todos os filmes, tenho todos os livros, mas só gosto. Não é aquela coisa louca. Mesmo assim, fiquei encantada. Mateus adora Harry Potter e na cabeça dele tudo aquilo ali era de verdade.

Foi muito lindo ver toda a fantasia do meu filho. Mas só pudemos passear, porque todos os brinquedos estavam com filas de 140 e até 170 minutos.

Assistimos a um showzinho que tem lá, bem feito também. Simples, mas bem feito.

Mateus ficou encantado com o show, porque para ele ali é tudo verdade.

As filas nessa parte do parque estavam realmente grandes, o simulador do castelo estava com fila de 70 minutos, a Olivara com uma hora e meia, aquele restaurante uma hora, então resolvemos apenas ficar andando e olhando tudo, deixando a visitação nos brinquedos na sorte da próxima visita.

Mateus ficou um bom tempo tentando abrir a porta da Olivaras.


Fizemos uma pausa para descançar um pouco, sentamos no chão mesmo, porque nos bancos não havia lugar, aproveitamos para mandar alguns postais.

Entramos na loja de doces para observar e comprar uns docinhos, o que é aquilo ? Fiquei emocionada de novo. Não sou tão fã de Harry Potter assim, mas a perfeição de cada detalhe é emocionante. Estar ali, poder ver tudo com os meus olhos, ai,ai,ai. Foram os 14 anos mais esperados, porém bem mais emocionantes e aproveitados da minha vida.

Paramos no trem para tirar fotos e observar, o maquinista veio conversar conosco e tirar fotos também, super simpático.

Pausa para a tal cerveja amanteigada, fila de novo, calor de 39 graus. Mas tudo lindo.
Só de pensar nela agora, minha boca fica até com água rsrsrs. Compramos com a caneca e ficamos no deliciando. Ainda bem que compramos uma só, porque embora deliciosa ela é muito enjoativa.

Depois de explorar bem toda a área do Harry Potter (nossa, este post está ficando mesmo grande, será que devo dividir em dois ?) Saimos de lá e fomos para a área do Poisedon´s. Paramos para almoçar por lá, mas só depois vimos que a comida era mediterranea, ainda bem que pedi apenas uma salada.

Eu surtei só com o local, embora não tenha nada de conhecimento sobre, adoro mitologia Grega. Fiquei encantada e quis logo ir, mesmo sem saber do que se tratava. Ficamos 40 minutos sentados no chão lá dentro esperando.
Ao entrarmos na primeira sala, o Mateus começou a ficar agitado. Ficou com medo e passou mal, fomos instruidos a sair da atração e andamos por todos os bastidores do parque, todo não, mas boa parte. Ficamos frustrados, quarenta minutos de fila e o Mateus passou mal, não entedemos ao certo o motivo e nem ele que tbm ficou chateado.
Então minha cunhada disse para irmos que ficaria com ele, mas ele quis ir de novo (vai entender?!) Insistimos para que ele ficasse, mas não teve conversa. E lá fomos nós de novo. Que atração maravilhosa. Eu amei. Uma das minhas favoritas. E o Mateus ? Bom ele chorou um pouco é verdade, mas não quis sair. Falei para que ele ficasse de olho fechado. A melhor parte, foi que nos colocaram lá na frente (acho porque acharam que ele passaria mal de novo). Amei mesmo.

Na saída paramos para fazer muitas fotos, que não vou postar aqui porque está ficando acho que cansativo já. Por favor, me deem um feedback sincero sobre isso, para que saber como fazer no próximo, já que sou muito detalhista.


Saimos de lá e o Homem Aranha estava com fila de vinte minutos, corremos para lá e muita gente correu também rs. Tantos detalhes, tiramos fotos de tudo também. Nos divertimos bastante. Muito bem feito o simulador, muito bem feito. Mas para quem tem labirintite como eu, não é muito uma boa pedida, a minha atacou rs. Mas nada que ficar um pouco sentada na calçada não resolva.

Passamos na loja do Homem Aranha, muitas coisas legais. Mas como não sou tão fã, nada me interessou muito além da calçada rs

eu fiquei lá sentada um pouco e o marido foi dar uma voltinha com o Mateus para ver como estavam as outras filas, inclusive a do Hulk

Nos despedimos do nosso primeiro dia nos parques da Universal.

Saimos de lá e fomos jantar no NBA City, bom e barato, além de vazio.

Terminamos assim nosso dia, cansados, com dores e bolhas nos pés, mas muito felizes com tudo o que vimos e vivemos. Mais felizes ainda porque ainda tinhamos muitos dias pela frente.

10 comentários

  1. Bom, muitas coisas.
    Primeiro de tudo, amo os detalhes, então poste mais, e mais e mais. detalhes e fotos.

    Nunca comi Cinnabon, mas se eu comer, vou lembrar de você, me emocionei!

    Please, dê logo as dicas dos pés!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita e pelo comentário, eu sou muito detalhista e fiquei preocupada em me estender muito, que bom que gostou.

      Cinnabon é maravilhoso para quem gosta de doce e de canela, vale exprimentar, lembre de mim e coma por mim tbm rs.

      Ah sim, vou te avisar antes pq sei que vai logo. Melhor coisa são os tênis mesmo, não tem como fugir, usei o shox e mesmo sendo novo, não tive problemas. A noite tomava anti inflamatorio PM que comprei lá mesmo e passava um spray chamado Ice Hot que tbm comprei lá, quando acordava não conseguia pisar, mais depois de colocar o tênis ia tranquilo. Nos primeiros dias levava o Ice Hot na mochila.

      Excluir
  2. Adoro post detalhados ! Continua assim !

    Esse parque realmente é uma delícia ! Vale a visita !

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Mto legal né Gi, eu adorei o IOA!
    Olha só, os relatos qto mais detalhados e cheio de fotos melhores. Estão perfeitos. Não demore pra continuar. Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Débora eu tbm adorei, só fiquei triste por ter aproveitado pouco, mas tudo bem, eu já fui pré disposta a não andar em muitos briquendos por conta do Mateus, mas adorei. Obrigada pelo Feedback. Pretendo colocar o próximo dia em breve. Beijos

      Excluir
  4. Gisele, como assim economizar nos detalhes e nas fotos... Quanto maior, mais a gente viaja com vcs. Amo relatos bem longosssss. Parabéns. Amo esse parque e ele tbém foi meu primeiro.

    ResponderExcluir
  5. Se voc6e acha que seus posts são grandes, vc ainda não viu os meus Gi ... rsrsrs ... enoooooooormeeess ..... rsrsrs. Mas eu adoro ... quanto mais detalhe melhor !!! Tadinho do Matheus ... essa atração do Poseidon é muito forte ? Eu nem fui ... :( .. Beijocas !

    ResponderExcluir
  6. Nossa não conhecia seu site, e estou adorando. Estou adorando os seus relatos, e estou indo em ordem cronológica. Eu fui em abril do ano passado e ainda sonho que estou lá, aquele lugar é mesmo um sonho. E agora estou na expectativa de poder voltar, eu e meu marido pretendemos ir em outubro do ano que vem, estou já fazendo as minhas economias para poder ir, mas só acredito que vou mesmo depois que comprar as passagens. Na viagem do ano passado aconteceu tanta coisa antes de ir, depois que comprei a passagem, meu marido perdeu o emprego e eu fiquei grávida. Achei que não ia conseguir, mas no fim deu tudo certo. Então, já estou alimentando meu sonho novamente. Eu amei o Island também e foi o mais cheio dos parques que pegamos, naquele castelo do Harry Potter ficamos duas horas na fila e achei que ia morrer naquele calor, mas eu amei.

    ResponderExcluir